Amigos do Blog.

Páginas

quinta-feira, 19 de junho de 2008

Acorda Igreja!!!

Acorda Igreja!!!

Vivemos um tempo dividido. Ao mesmo tempo, abençoado e amaldiçoado, somos a Igreja da geração do fim, que está prestes a receber de presente o arrebatamento e encontro com o nosso Mestre Jesus, O Cristo, Filho do Deus Vivo, que tem o seu nome eterno firmado sobre todo o nome acima e abaixo dos céus e paralelamente vislumbramos a preparação para o reinado do anti-cristo.

Considero-me abençoado por presenciar tal momento de vida na terra. A quantidade de informação que temos à nossa disposição hoje em dia é capaz de causar espanto a todos os grandes inventores do início do século passado. Qualquer um de nós é incapaz de contabilizar os avanços da ciencia, tecnologia e biotecnologia nos últimos cinqüenta, sessenta anos. Poucas pessoas conseguirão lembrar-se dos últimos dez, vinte anos de avanços em todas as áreas do conhecimento humano. “... Deus criou o homem reto, mas eles buscaram muitas invenções...”.

Vivemos tempos trabalhosos, difíceis. “... Porque haverá homens amantes de si mesmos, sem afeto natural escravos da mentira e da soberba...". Se buscarmos textos bíblicos dos profetas Isaías e Ezequiel iremos encontrar o mesmo princípio de engano que havia nos Príncipes e Reis do passado, em nossos políticos e líderes atuais (muitos roubam, muitos mentem e a grande maioria, cuida de seus proprios interesses em lugar do interesse e do bem comum). Grandes expoentes políticos e até religiosos, trabalham debaixo de tamanha cegueira espiritual, que nada mais fazem, do que preparar o caminho para o reinado do anticristo.

Leis são criadas preparando o terreno para a retirada das liberdades individuais e coletivas. (Olha a ameaça do terrorismo internacional), leis são criadas visando futura privação da liberdade religiosa, http://juliosevero.blogspot.com/ . (PLC 122/2006 tramitando no Senado Federal e PL 6418/2005, na Câmara dos Deputados). Em alguns países como Suécia, Inglaterra e Canadá, já têm casos de pastores e cristãos sendo presos por violarem os direitos adquiridos pelos homossexuais. Leis semelhantes a estas que estão prestes a ser aprovadas pelos nossos Deputados e Senadores, eleitos em grande parte com os votos dos cristãos e não com o voto de uma minoria que alardeia ser de 10%, mas que não passa de um a dois (2%) da população, levarão o nosso povo a sofrer grande perseguição religiosa.
Saibam que estas leis criarão o mesmo caminho legal já existente no exterior, para que no Brasil, a Bíblia seja declarada como ofensiva, por incitar crime de ódio, racismo e por ser muito radical.
A ONU já conta com um trabalho avançado visando à criação de uma religião única, na qual não haja mais segregação de culto ou religião, onde toda a humanidade possa celebrar “deus” em conjunto e uniformidade. Nesta hora, aqueles que não aceitarem este ecumenismo profano, com certeza serão os segregados.
Temos também o exemplo da moeda única que está prestes a ser lançada em termos mundiais. O Euro já é bem conhecido, mas quando menos se esperar, todos os países irão se alinhar a esta nova realidade global. Até aqui no Brasil, temos informações de que o “PESO REAL” deve tornar-se realidade em menos de dez anos, para toda a América do Sul.

Vai sobrar para quem? Apenas os Cristãos convictos, que celebram ao Deus Vivo, Senhor e Criador de céus e terra, não irão aceitar e estarão dando ótimos motivos para serem perseguidos.
Voces conseguem ver um filme novo, sem a apresentação do chip RFID como algo muito bom e que deve ser usado? (Afinal, foi o chip que salvou o 007 no último filme. A mocinha até que ajudou no último minuto, mas se o James não estivesse com o chip implantado e controlado à distância, o coitado teria morrido). Já bem antes do último Bond passar, a mocinha da novela América (bem sugestivo o título), havia recebido um bom dinheiro em dólares para servir de cobaia num teste de implante do chip. É tudo muito prático e avançado, é tudo muito bonito, mas para onde estas coisas vão nos levar?

Vejo uma Igreja ocupada hoje, com prosperidade ou cura, ou seja, visando apenas o aqui e o agora, visando apenas o terreno e o material. Afinal, eu preciso alcançar o que a minha mão pode pegar. Deus deve ser utilizado por mim, eu não pedi pra nascer, etc. e etc.. E o Deus utilitário vai cada vez mais, tomando conta das Igrejas e da vida dos irmãos.

Quantos já ouviram e ouvem falar constantemente em escatologia, em fim dos tempos, em profecias cumpridas e por se cumprir nos dias de hoje. Com certeza, é uma pequena minoria de líderes cristãos, que se encontra preocupada em trazer ao povo, mensagens de alerta para os dias finais que já vivenciamos hoje. (Afinal esse assunto sobre volta de Jesus e arrebatamento da Igreja, já tem mais de 2.000 anos e é assunto ultrapassado). Precisamos viver o aqui e o agora, de preferência com boa saúde (Deus cura) e com uma boa vida financeira (Deus proverá), melhor ainda.
Estas são verdades bíblicas imutáveis e realizáveis na vida de qualquer cristão que seja fiel e cumpra sua parte. Deus é fiel e sempre cumpre o que prometeu. Não podemos nos esquecer que a Bíblia é um todo e nos traz um grande conjunto de situações e que nenhum destes conjuntos, pode ser esquecido. Quando nos fixamos em apenas partes da Bíblia vamos criando um corpo de cristãos e de líderes fracos e doentes e a cada dia, novos caminhos para o reinado do anticristo e para a futura perseguição da Igreja, vão sendo preparados.

Retirei na internet, no site www.espada.eti.br (Espada do Espírito), na página de eventos atuais, aberta ao público, estas afirmações abaixo, que nos mostram um pouquinho da época que vivenciamos hoje.

Título: “Os Magos Que Visitaram o Menino Jesus: Quem eram, de Onde Vieram e Como Souberam Que Ele Tinha Nascido?"

“... A segunda pergunta é por que os líderes espirituais de Israel negligenciaram completamente essa profecia, enquanto que os magos pagãos estavam atentos a ela? A resposta é realmente bem simples. Vários séculos antes de Cristo nascer, os líderes judeus começaram a aceitar e a propagar dois ensinos terrivelmente errôneos. Primeiro, ensinavam que as Santas Escrituras não deveriam ser interpretadas literalmente (grifo meu), pois não eram totalmente inspiradas por Deus e, portanto, continham erros. Segundo, ensinavam que as profecias não deviam ser interpretadas literalmente, mas deveriam ser espiritualizadas. Os livros proféticos, como Daniel, não eram lidos mais, pois continham muitas profecias. Após a passagem de várias gerações, essa interpretação ficou solidificada, e os líderes espirituais no tempo de Jesus desconheciam completamente essa profecia. Assim, "não conheceram o tempo da sua visitação". O significado deste estudo para os dias de hoje é simples e óbvio. O mesmo ensino errôneo que nega a inspiração e a inerrância das Escrituras está sendo propagado nos dias atuais. A maioria das pessoas não sabe que mais de trezentas profecias referentes à segunda vinda de Jesus Cristo já se cumpriram ou estão sendo cumpridas. Essas pessoas não sabem que isso nunca ocorreu antes. Portanto, muitas pessoas estão negligenciando e perderão a Segunda Visitação de Jesus Cristo, correndo assim grande perigo espiritual. ..." http://www.espada.eti.br/ .

Que o verdadeiro ensino bíblico, literal e inspirado por Deus tem sido desprezado, nem precisamos falar, porque já é fato quase consumado. Mas não se esqueçam que sempre existirão os sete mil que não dobram seus joelhos a baal. Deus sempre guarda os seus remanescentes: Ló, Noé, os Trezentos de Gideão, Simeão e Ana, Lutero e os reformadores e etc.

O fato que quero destacar é essa informação de que mais de trezentas profecias referentes à segunda vinda de Jesus Cristo já se cumpriram ou estão sendo cumpridas. Quantos cristãos, ou quantas Igrejas tem noção desta realidade que vivemos hoje?
Afinal, escatologia é um assunto tão complicado. Só quem é maluco se interessa por isso, Ao focarmos o assunto, logo nos vem a mente aquelas cenas de filme nas quais em plena avenida principal aparece o doido barbudo e descabelado com a indefectível placa dizendo que o fim está próximo. O que não percebemos é que as cenas trazem-nos a mente exatamente o efeito desejado pelos seus criadores, talvez até de forma inconsciente, mas com certeza com o mesmo efeito devastador. Ou seja, “escatologia é coisa de maluco”, como eu sou uma pessoa ou um cristão normal, não vou me envolver com isso e ponto final.

Passamos então, a deixar guardados em um canto de nosso relacionamento com Deus, todos estes assuntos. Afinal, Escatologia irá me fazer pensar em comprometimento com Deus, arrebatamento, santificação, unidade, evangelismo, participação na Igreja, vida familiar e mais uma infinidade de questões relativas ao mundo espiritual. Neste momento atual de vida estressada não dá para ficar gastando tempo em uma questão tão problemática.

Todos estes assuntos são incômodos, mas os remidos em Cristo e somente eles subirão e ouvirão o toque da trombeta. A Igreja que não vai subir, com toda certeza ouvirá o toque de uma outra trombeta que anunciará a vinda do cristo deste mundo ficando então, como ficaram as 5 virgens loucas, da Parábola das 10 virgens. Nesta hora o Azeite do Espírito é que fará a verdadeira diferença. A Igreja clama Maranata e se prepara para subir neste momento.

Vou citar agora a letra de um hino cantado na Comunidade S8 da qual sou participante http://www.comunidades8.org.br/ . Não é muito conhecido do povo cristão, mas contém uma mensagem importante para este momento da vida da Igreja.

O título é " A VOLTA DE JESUS "

“Aguardamos o grande evento,
da história da humanidade,
É a volta de Jesus.
Vai acontecer, tem se constituído,
Através dos séculos e séculos.
A bem aventurada esperança da Igreja.
Poucos bem poucos estão apercebidos,
do que vai acontecer.
Jesus há de vir arrebatar multidão de fiéis.
Os verdadeiros adoradores de Deus,
subirão ao encontro de Jesus.
Cantarão glórias, cantarão louvores ao Senhor.
Assim diz a Palavra do Senhor,
o final dos tempos perto está.
Para que se cumpra o que está escrito,
muita coisa acontecerá.
Dois estarão andando para o campo.
Um será tomado outro será deixado.
A confusão aumentará nas ruas das cidades,
a desordem todos se acusando mutuamente.
Como culpados de não haverem dado crédito
aos que anunciavam a vinda de Jesus.
Esta é a hora mais dramática da história do mundo, do mundo.
É igualmente a hora maior de mais feliz expectativa
para a verdadeira Igreja de Jesus."


Esta verdadeira Igreja que estou falando aqui, não se refere à sigla ou denominação, ou a cristão fundamentalista ou pentecostal, a seguidores do pastor tal ou qual.
Não importa onde o cristão esteja. O que importa é sua posição e sua atitude diante da sua Igreja, diante do mundo e principalmente diante de Deus.
Se você vai à igreja só para esquentar banco, por obrigação, ou por achar que o ambiente da Igreja é saudável e também tem boas programações, é melhor se filiar a algum clube e passar bons fins de semana com a família, não se esquecendo que os clubes também tem os seus " dízimos " e seus estatutos e que se você atrasar ou sair da linha, corre o risco de ser cortado do rol de sócios.
Se diante do mundo você é apenas mais um dos muitos cristãos que vivem uma vida morna sem salgar e sem ser luz, freqüentando os mesmos lugares, tomando as mesmas bebidas, vendo as mesmas imagens e muitas vezes as mesmas pornografias, falando as mesmas mentiras e desfrutando dos mesmos prazeres de segunda a sábado. Reservando duas horas e meia no domingo à noite para ir a Igreja, sem permitir que a Palavra que é Vida, penetre em seu coração, transformando sua vida.
Se diante de Deus a sua posição é a de achar que Ele está lá em cima e você aqui embaixo, que Deus é muito grande e não se preocupa com os homens ou que uma vez salvo sempre salvo (Afinal Deus é muito bom e sabe perdoar nossos pecados).

Sinto dizer-te. Há um grande engano em seu coração. Você precisa acordar imediatamente. Permitir que Deus venha com Sua luz a sondar seu interior e levar-te a transformação. Levar-te a ser nova criatura e a viver uma vida cristã dentro dos parâmetros bíblicos. A buscar ajuda com irmãos nos quais você reconheça a presença de Deus. Deus irá dirigi-lo a isso através do Espírito Santo, levando-o a uma vida de santificação e preparo como convém nestes dias finais que vivenciamos na terra.

Uma última coisa que gostaria de transmitir aos irmãos é que escatologia, ou seja, assunto referente ao fim dos tempos, volta de Jesus, arrebatamento e etc.. Não é assunto para ser tratado de forma assustadora ou que venha a mudar nossa vida no seu dia a dia, a não ser nas questões já citadas ou qualquer outro motivo que venha a nos afastar do alvo que é Jesus e a vida em santidade, que Ele e os Apóstolos pregaram em sua santa Palavra.
Não devemos mudar nossos planos, nossos sonhos e projetos porque o nosso Deus nos ajudará a concretizá-los, ainda que estejamos vivendo em um mundo tenebroso e assustador. A sua doce e bendita presença nos levará a andar em lugares celestiais, livres de todo o mal. “Não te peço que os tire do mundo, mas que os livre do mal”, é a palavra de Jesus para nós nestes dias de hoje.

Um grande evangelista do final do século XVIII, D. L. Mood. Homem que andava com Deus e ouvia Sua voz, a ponto de certa vez, ao passar numa rua deserta, instado pelo Espírito a iniciar uma pregação da Palavra. Não hesitou em parar diante de um muro e começar a pregar naquela rua vazia, da mesma forma que pregava nos cultos que participava. Ao encerrar a pregação, para sua surpresa, um grupo de maus elementos sai de um buraco no muro, perguntando como poderiam aceitar a Jesus. Estavam escondidos em um jogo de cartas proibido e haviam parado seu jogo, escutado a pregação do início ao fim, buscando agora a salvação em Cristo.
Este mesmo homem, que ouvia a voz de Deus e era amigo de Deus, ao ser questionado sobre o que faria se soubesse que Jesus voltaria naquele mesmo dia, respondeu que plantaria uma árvore.

Não devemos sentir-nos pressionados, mudar nossos rumos e decisões de vida em função da vinda de nosso Mestre. A atitude a ser tomada é simplesmente a de buscar ser amigo de Cristo, ser íntimo de nosso Senhor, pois somente conhecendo-O mais e mais, estaremos preparados para enfrentar estes dias maus que se aproximam em velocidades cada vez maiores.

Quero encerrar com uma frase de uma grande serva de Deus que nos deixou a seguinte mensagem “Deus só revela Seus segredos àqueles que são seus amigos íntimos” (Mme. Jeanne Guyon).
Da mesma forma você só revela seus segredos aos que são seus amigos íntimos.

Você tem sido amigo íntimo de Deus?

Abraços,
Cláudio Fontes.

6 comentários:

  1. estou em lagrimas você falau da minha vida...Estamos frios e dormindo nesses ultimos dias. Mas irei acordar para o Senhor Preciso ser salvo o fim se aproxima.

    ResponderExcluir
  2. Obrigado pelo comentário. Este é o objetivo do blog e me alegro muito em ver que o Espírito Santo sempre cumpre Sua parte ao convencer o Homem. Que Deus te encaminhe a uma Igreja firme na Palavra e atenta para estes dias que precedem o arrebatamento e o tempo final para a humanidade. Receba a paz de Cristo em seu coração. Abraços. Cláudio Fontes.

    ResponderExcluir
  3. simplismente brilhante,nenhum tema conseguia me chocar mais(vc conseguiu),um abraco da alemanha!!!eu pesquiso muito ha 3 anos,shalom.

    ResponderExcluir