Amigos do Blog.

Páginas

quinta-feira, 10 de julho de 2008

Nova Ordem X Igreja e família

Vou apresentar alguns argumentos que coloquei em uma das comunidade de Orkut que participo.

O assunto tratado é a PL122 e a liberdade de culto. Além de alegar, não ser o homossexualismo pecado, alguns tópicos apresentam o fato de que o viés cristão nos leva a obrigação de aceitar a lei como está.
Apresento aquí, apenas os aspectos de porquê considero o homossexualismo pecado e como entendo que existem interesses pérfidos envolvendo estes movimentos.

Tanto a questão do homossexualismo, quanto a do pecado em si (qualquer pecado), se confrontam com a maior das questões, que é a da desobediência e rebeldia do homem contra Deus. Deus nos criou homem e mulher Gen. 1:27, ainda nos fazendo semelhantes a Ele.

O homem, como fruto de sua desobediência e rebeldia contra Deus, inverte a ordem das coisas e pensa que pode ser Deus, mas com a ordem invertida o homem passa a não procriar (mulher x mulher e homem x homem = zero).
O homossexualismo é pecado, mesmo não sendo apresentado como um dos dez mandamentos, porque despreza a ordem natural da criação.
Não seria pecado, se Deus na criação, já definisse um terceiro sexo, o que não aconteceu. Ao nascer homem e tentar trocar esta ordem, o homem ou mulher, pecam.

Mas o que está em foco na PL122, não é a questão do pecado (afinal o livre arbítrio existe com este fim). O grande problema da PL é a retirada da liberdade de expressão. Se esta lei for aprovada, em breve, o pensador de direita ou de centro, poderá ser acusado de estar ferindo os direitos de Lullalau e seus petralhas corruptos, ao afirmar que este é o momento de maior corrupção no país.
Precisamos entender que o que anda por trás dessa onda de liberação desregrada ao homossexualismo, às drogas, prostituição e aborto, é simplesmente uma tentativa sórdida de desestabilização da família e da Igreja (não só as evangélicas) com fins de adiantar as metas de implantação da NOM (Nova Ordem Mundial).

Se procurarmos com cuidado iremos ver que os grandes financiadores por traz destes “inocentes” “movimentos de massa” e “interesse público”, manipulação de dados apresentados à grande maioria silenciosa (recentemente,a mídia anunciou 100mil, 50mil e 30mil, numa marcha gay em Niterói que deveria ter entre 3 e 5mil participantes), que vai ao matadouro silente, por achar que não pode fazer nada.
Estes “grandes beneméritos”, são braços ocultos de Bildebergs Clubs, Illuminatis e demais organizações interessadas em grandes processos de eugenia e destruição em massa da maior parte da população mundial, em nome da mãe terra, ou de um conforto maior para as futuras gerações do planeta.

Na hora que conseguirem calar as Igrejas, começando a prender pastores e a multar Igrejas com a alegação de que um governo laico, não pode permitir manifestações racistas (como já acontece em Canadá, Suécia e etc.) (pedofilia e corrupção podem), a população acordará, mas aí já será tarde e a Inês é Mott, digo morta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pesquise com PRIVACIDADE!!!

Este SiteWeb